PT e PSOL buscam aliança de esquerda em Porto Alegre; prefeito do MDB tenta atrair tucanos

Depois de abrir mão de uma candidatura própria na capital paulista para apoiar Guilherme Boulos (PSOL-SP), o PT busca agora o apoio do PSOL para encabeçar uma chapa de esquerda em Porto Alegre.

Os dois partidos já lançaram as pré-candidaturas de Maria do Rosário (PT) e Luciana Genro (PSOL), mas abriram em janeiro um diálogo para tentar montar um palanque único.

Em meados de janeiro, Luciana Genro, Maria do Rosário e o ex-prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, se reuniram na capital para tratar do assunto.

As duas legendas tentam ainda atrair o PDT e o PSB, que têm um acordo para formar alianças em todo país com o objetivo de preparar o terreno para a formação de uma federação.

Uma possibilidade na mesa é que Maria do Rosário seja a candidata e a deputada Tamyres Filgueira (Psol) seja a vice, segundo fontes.

No outro campo, o prefeito Sebastião Melo tenta uma composição com o governador Eduardo Leite (PSDB). O emedebista convidou recentemente os tucanos para integrarem seu governo.

Melo já tem o apoio da maioria dos partidos de centro, como PP e Republicanos.

Deixe comentário

× Fale com a Showtime